Blog

fevereiro 28, 2018

Getty Images: tendências visuais para 2018


Todo visual que vemos ao nosso redor – o que encontramos em nossos feeds de mídia social, os artigos que folheamos, os anúncios que nos impactam – constroem nossa compreensão do mundo, a nossa estética. Mas, será que é possível prever os tipos de imagens que o mundo nos mostrará o ano que vem?
A Getty Images, site com cerca de 400 milhões de downloads de imagens por mês, acredita que sim e todo ano a equipe criativa global de diretores de arte, pesquisadores e antropólogos visuais analisam dados de pesquisas e downloads de milhões de imagens licenciadas pela marca e estudam os eventos significativos da mídia, cultura pop, propaganda e arte.

Tudo isso para contemplar-nos com um apanhado de tendências macro e micro para este ano, que atua como um guia para a mídia, anunciantes, marcas e empresas, refletindo as mudanças no mundo. O site dividiu a análise em 3 categorias master: Segunda Renascença, Realismo Conceitual e Novas Masculinidade.

Masculinity Undone

A categoria se refere ao fato de que os estereótipos da representação masculina estarem extremamente ultrapassados. A figura do homem branco de terno e sorriso de sucesso não se comunica mais com o agora – e isso pode ser um bom argumento para convencer o seu cliente de sair do lugar comum. Os dados do Getty Images ainda mostram um aumento de 53% na pesquisa “pais homossexuais” e um aumento de 60% nas pesquisas de “pai solteiro”.

Second Renaissance

Com milhões de pessoas agora carregando lentes de alta qualidade em seus bolsos, fotografar ficou muito fácil. Em resposta, os fotógrafos profissionais estão buscando inspiração na história da arte para criar imagens que promovam a ideia de registros mais elaborados.
Paletas de cores suaves, tecidos luxuosos e o uso do chiaroscuro. O site observou que essa busca está sendo ainda mais frequente para representar negros, asiáticos e algumas minorias étnicas, para reproduzir uma narrativa visual mais positiva e culturalmente rica através da subversão de técnicas de artes clássicas. A demanda por esse estilo de trabalho está crescendo: pesquisas por “luxury abstract” tiveram alta de 186%, enquanto que o termo “vintage portrait” cresceu 94%.

Conceptual Realism

Uma combinação de tendências visuais em desenvolvimento em longo prazo, nova tecnologia e o atual ceticismo público de encarar as coisas por meio de seu valor original, gerou uma nova expressão visual: “realismo conceitual”. Categoria influenciada pelas novas gerações e cultura de internet. Seria uma forma de representar o surrealismo de um jeito mais realista. O site atribui a uma cultura que vai contra imagens “autênticas e reais” na tentativa de criar algo inesperado. Buscas por: “conceito inesperado” aumentaram 116%, enquanto as de “realidade” registraram um salto de 176%.

Problemas sociais se destacaram nos dados da pesquisa
As pesquisas por termos como “LGBTQ” aumentaram 809%, e a “família multi-étnica” apresentam um aumento impressionante de 385%. Já as buscas por “estresse emocional” apresentaram alta de 263%, “abuso emocional” em 110% e “conscientização em saúde mental” em 258%.

Além disso, pesquisas de imagens que retratam estresse e ansiedade – especialmente em homens – obtiveram um aumento significativo. “Suicídio adolescente” aumentou 429%, “estresse emocional” 263% e “abuso emocional” 110%. Já “homem estressado” cresceu 105%, “depressão homem” 31% e “homem preocupado” 100%.
Os dados de pesquisa também sugerem um foco global crescente no bem-estar mental, com buscas para “saúde mental” com alta de 174% e “conscientização em saúde mental” com 258%.

Confira gratuitamente acessando o link: visualtrends.gettyimages.com/

MOBIC

Somos uma agência com foco em aproximar pessoas e marcas para gerar relacionamentos e negócios.

posts relacionados